22 de julho de 2015

[Resenha] O Álbum

Título: O Álbum
Autor: Timothy Lewis
Editora: Novo Conceito
N° de páginas: 240
  Classificação:
                           

Sinopse: Para Adam, negociante de objetos usados, a casa de Gabe Alexander é apenas uma propriedade que será esvaziada e vendida pelo maior lance. Entretanto, em meio às prateleiras repletas de relíquias, um álbum antigo atrai sua atenção. Nele há cartões-postais amarelados pelo tempo, escritos ao longo de 60 anos. Intrigado, Adam começa a lê-los: eles estão cheios de frases românticas e delicadas, as provas do amor incondicional entre Gabe e Pearl Alexander. Gabe cuidava para que um cartão chegasse às mãos de Pearl todas as sextas-feiras. Cada um deles possui não apenas um poema, mas verdades preciosas sobre o cotidiano de um casal que viveu um sonho. A soma de todas essas verdades talvez responda perguntas que Adam se faz há muito tempo.
Eu estava com boas espectativas para esse livro, mas infelizmente não foram ultrapassadas. Ficou mais ou menos ali no meio. O livro tem uma história bem legal, mas eu achei que faltou alguma coisa, um complemento. Iniciei a leitura não entendendo muita coisa, mas depois foi clareando minha mente. As partes que falavam sobre Adam (um negociante que encontrou os cartões postais), para mim, não fizeram tanta diferença, exceto no final. A história sobre Gabe e Pearl - ou Huck, como preferia ser chamada - foi agradável e um romance bem bonitinho e até mesmo emocionante.
Uma coisa que me incomodou um pouquinho durante a leitura foram os erros de português, então deixo aqui essa minha pequena dica para quem revisa os textos. Tirando isso, a leitura foi sim legal, com aquele romance antigo que nos faz desejar um amor tão grande como o citado no livro.
A história começa com Adam, um negociante de móveis e coisas usadas que encontrou um álbum na antiga casa de Gabe Alexander, que foi o marido e alma gêmea de Pearl Huckabee, ou somente Huck, como gostava de ser chamada. A história do casal super fofo é mais ou menos assim: Gabe era um sobrevivente da Primeira Guerra Mundial e trabalhava na peixaria do Cecil. Quando ele viu Huck entrar no estabelecimento, naquele momento, ele soube que algo nela despertava um sentimento muito grande nele. Somente com um intenso olhar, com uma troca de poucas falas e uma curta  conversa. 
Eles se encontraram depois disso várias vezes e uma delas foi "a vez". Passaram o dia juntos, conversaram e então ele descobriu que Huck estava noiva de Clark, um rapaz que parecia gostar mais de impressioná-la com seus presentes caros do que realmente amá-la. Huck e Clark haviam brigado e ela vira em seus olhos o quão ruim e possessivo ele poderia ser e estava decidida de que iria acabar com aquele noivado, pois não era a coisa certa a fazer. Foi então que em uma noite super agradável o incoveniente aconteceu: seu noivo os pegou juntinhos e avançou para cima deles. 

Um grito estridente fez Clark parar e ir embora, deixando Huck assustada e o seu herói, Gabe, com o rosto machucado. Ela acreditava que aquele grito havia sido do senhor Jack, que ela via como o seu anjo da guarda desde quando era criancinha e havia lhe apresentado as orquídeas anacacho. Nada mais importava para eles, somente que estariam juntos por uma vida inteira. Então, depois de se casarem, o marido de Huck começou a enviar um cartão postal com um poema à sua amada toda sexta-feira, durante toda a vida. Esse ato de amor e paixão permaneceu durante todo o casamento dos dois, finalizando 60 anos. 

O livro foca na história do casal, no grande amor que os dois compartilharam durante a vida. Eu achei interessante o fato de o ato de dar cartões postais, como foi dito no livro, toda sexta-feira, foi real para os avós do autor. Mais para o final do livro acontecem algumas coisas que agitam um pouco a história. Mas tirando isso, o livro só foca nesse assunto do amor dos dois.
Eu achei o início de cada capítulo fofinho, todos contém o desenho de um cartão, como os que Huck recebia, e um poema escrito pelo seu marido. Adorei! 

É um livro para descontrair, por isso indico às pessoas que gostam desse tipo de história e de um livro curtinho para passar o tempo :)

Acompanhe a Editora Novo Conceito:
Acompanhe o blog:
Beijos ♥

8 comentários:

  1. Olá,
    Não conhecia o livro, mas confesso que a leitura não chegou a me interessar de fato. Mas adorei as fotos *O*
    Beijos.
    Memórias de Leitura - memorias-de-leitura.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ei, Inês! Que bom que gostou das fotos! É um livro bom para ler em algum intervalo que tiver durante o dia, sem muitas expectativas.
      Beijos :)

      Excluir
  2. Oi, Karen! Tudo bem? Achei a premissa do livro bem interessante e adorei o fato de haver vários cartões postais na obra, mas não sei se de fato o leria. Achei a sua nota muito baixa! haha Adorei a resenha! :)

    Abraço

    http://tonylucasblog.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ei, Tony! Tudo ótimo! É só não criar muitas expectativas :)
      Abraço

      Excluir
  3. Como eu gosto de "Livros curtinhos para passar o tempo" vou dar uma olhada nesse. :) ele parece estar bem caprichado, NC arrasando sempre. :)
    beijos
    renatavarela.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ei, Renata! Nesse quesito, é uma boa leitura :)
      Beijos!

      Excluir
  4. Oii, eu ainda não li esse livro, mas acho a capa dele muito bonita.
    Sua resenha ficou excelente!!

    Beijos,
    Juh
    http://umminutoumlivro.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ei, Juh! A capa dele é bem bonita mesmo. Que bom que gostou da resenha!
      Beijos :)

      Excluir